A tragédia do Dr. Vodder

Image

O médico alemão tinha feito um investimento razoável no seu consultório.

Tinham-lhe dito que, em Portugal, o negócio dos gordos era boa aposta e ele, que até simpatizava com os portugueses e gostava do clima, não hesitou.

Mudou-se, montou o seu consultório numa rua bastante movimentada da capital e esperou.

Entretanto, o número de clientes continuava a ficar muito abaixo das espectativas. O médico não compreendia o que se passava. As poucas clientes que tinha elogiavam-no e prometiam-lhe sempre falar do consultório às amigas.

O telefone tocou. A sua secretária, uma rapariga, também alemã, atendeu:

– Boa tarrde. Consultórrio Doctorr Fóderr…

Silêncio. Após alguns instantes:

– Olhe, sua malcriada… vá chamar nomes à sua mãezinha, tá bem???!!!

Sabine, a secretária alemã, ficou estupefacta. Já era a terceira vez, só naquele dia, que lhe desligavam o telefone na cara!

O Dr. Vodder, esse, ia fazendo contas. Por este andar, ia ter de fechar o consultório e voltar para Achim, a sua cidade natal. Ele, que até achava piada aquela brincadeira que os seus amigos portugueses lhe faziam, quando iam para os copos:

– Ó Vodder, diz lá ao pessoal de onde é que tu és.

– Achim.

– Santinho!!!

Comentários

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s