Pot-pourri de Verão 4 – A grande fuga

A praia fica subitamente em reboliço.

Os vendedores africanos, que costumam passar calmamente com as suas montras de óculos de sol, bolsas “de marca” ou estatuetas africanas, aparecem todos de repente, passando a correr à minha frente, da esquerda para a direita.

Pouco depois aparece um polícia, em passo acelerado, que os segue lá em baixo, junto à água. Levanto-me e vejo que as linhas de fuga possíveis, lá em cima, estão cortadas por outros agentes. É uma operação “em grande”.

Os vendedores vão sendo encurralados, ao fundo da praia, sem fuga possível.

Leio no dia seguinte que foram autuados cerca de 70, uns por falta de licença outros pela venda de produtos contrafeitos.

Um miúdo, já habituado a ver estes vendedores, ficou preocupado: “Pai, o que é que vai acontecer aos senhores vendedores?” e o pai, para lhe aliviar a angústia: “Não te preocupes, pagam uma multazita e amanhã já cá estão todos outra vez”.

É um miúdo, mas já olhou para a cara dos vendedores, quando eles passam por ali e percebe que são pessoas que têm uma vida difícil, a palmilhar a praia todos os dias, com o sol a escaldar…

Comentários

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s